Julho 3, 2018

Frota Solidária: um projeto de todos para quem mais precisa

Para dar resposta aos problemas de mobilidade de milhares de cidadãos em situação de vulnerabilidade, a Fundação Montepio criou o projeto Frota Solidária, que consiste na aquisição, transformação e adaptação de viaturas, para oferecer a IPSS de todo o país.
Frota solidária
Ler mais

Fundação Montepio: Frota Solidária entrega 203 viaturas a IPSS

O projeto Frota Solidária vive da solidariedade e boa vontade de todos os portugueses, que, ano após ano, encaminham, sem qualquer custo para si, 0,5% do seu IRS para esta causa. Como? Inscrevendo o NIF da Fundação Montepio (503 802 808) no quadro 11 da Folha de Rosto da sua declaração de rendimentos ou na área “Consignação” do IRS Automático e assinalando a opção “IRS” ou “0,5% IRS”, respetivamente. Após a entrega do IRS, os valores atribuídos pelos portugueses são entregues pelo Estado à Fundação Montepio, a beneficiária da chamada Consignação do IRS, que depois os aplica na aquisição, transformação e adaptação de viaturas, para oferecer a IPSS de norte a sul de Portugal. E, assim, ajudar a garantir um melhor atendimento por parte destas instituições aos seus utentes com mobilidade reduzida.

Desde 2008, a Fundação Montepio reuniu, através da Frota Solidária, e devolveu à sociedade civil quatro milhões de euros, tendo apoiado 203 IPSS e entregue igual número de carrinhas, de um total de 3 253 candidaturas. O mapa interativo abaixo informa quais as instituições apoiadas, por Concelho.

Instituições apoiadas em 2018

Na 11.ª edição do projeto Frota Solidária serão entregues pela Fundação Montepio 21 carrinhas a igual número de instituições, a saber:

  • CERCIAZ (Aveiro)
  • Centro Paroquial de Pêra
  • Santa Casa
da Misericórdia de Braga
  • AFACIDASE
  • Santa Casa
da Misericórdia do Funchal
  • Santa Casa
da Misericórdia
da Ribeira Grande
  • Santa Casa
da Misericórdia de Leiria
  • Associação Mutualista da Freguesia do Vilar
  • Crescer a Cores
  • Casa dos Rapazes
  • Associação de Pais e Amigos de Deficientes Profundos
  • Centro Social
e Paroquial de Santo Aleixo
  • Centro Social e Paroquial de Cedofeita
  • Instituto Profissional do Terço
  • Rumo–Cooperativa de Solidariedade Social
  • Centro de Reabilitação de Ponte de Lima
  • Confraria de Santo António de Viseu
  • CIRE – Centro
de Integração
e Reabilitação de Tomar
  • O Pontão – Associação de Solidariedade Social
de Conceição de Tavira
  • Centro Social de Soutelo
  • Centro Social e Paroquial de S. Martinho de Brufe