< Voltar à página de Pais e Professores

Manuais gratuitos: 5 dicas para evitar penalizações

Os manuais escolares distribuídos gratuitamente aos encarregados de educação têm de ser devolvidos às escolas, em bom estado, no final do ano letivo. Descubra, neste artigo, sugestões úteis para preservar os manuais gratuitos e evitar penalizações.

No ano letivo 2019-2020, a entrega de manuais gratuitos (não inclui os livros de fichas) foi alargada a todos os alunos que frequentam a escolaridade obrigatória no ensino público, ou no ensino privado com contrato de associação. Uma medida que representa um alívio para as carteiras das respetivas famílias. Mas há regras a observar e penalizações por incumprimento.

Quais as regras de reutilização dos manuais gratuitos?

Para beneficiarem de manuais gratuitos, os encarregados de educação têm de devolvê-los em condições de serem reutilizados, no final do ano letivo, exceto se já tiverem atingido o tempo de vida útil da reutilização (três anos). Isso implica entregá-los às escolas sem estarem rasgados, queimados, cortados ou riscados. Também não podem faltar folhas e estarem escritos a caneta. Têm ainda de ser entregues todos apagados. A capa e a contracapa devem estar em bom estado.

Quem verifica o estado de conservação dos livros?

Compete às escolas avaliar se os manuais escolares gratuitos entregues pelos encarregados de educação se encontram em condições de ser reutilizados.

A seleção dos manuais deve ter em conta os seguintes critérios:

  • Número de utilizações anteriores;
  • Idade dos alunos e ano de escolaridade;
  • Existência de espaços em branco para preenchimento;
  • Deterioração inerente ao uso normal do manual, de acordo com uma utilização prudente e adequada. Ou, pelo contrário, verificação de danos anormais que não decorram do uso normal;
  • Outras circunstâncias objetivas e subjetivas a avaliar pela escola.

 Quais as penalizações previstas?

A entrega de manuais escolares gratuitos danificados pode dar origem a uma de duas penalidades:

  • Pagar o valor de capa dos manuais devolvidos em mau estado, se for evidente que não foram usados de forma normal, prudente e adequada;
  • Deixar de receber manuais gratuitos no ano letivo seguinte. Note-se que cada manual é considerado individualmente, ou seja, se não for entregue em bom estado o manual de apenas uma disciplina, só se perde o direito a receber o manual dessa disciplina no próximo ano.

O que fazer para conservar os manuais gratuitos?

1. Converse com o seu filho sobre as regras de reutilização

É muito importante que explique ao seu filho que os manuais gratuitos são emprestados e que, no final do ano letivo, têm de ser entregues à escola, para serem reutilizados por outros alunos, o que só poderá acontecer se estiverem bem estimados.

Folhear com cuidado, não dobrar as páginas e escrever apenas o imprescindível são alguns cuidados que o seu filho deve ter para manter em bom estado os manuais.

2. Compre uma mochila impermeável

No momento de comprar a mochila da escola, opte por uma que seja impermeável. Assim, evita que os manuais se molhem num dia de chuva intensa – um dos acidentes mais comuns com estes livros.

3. Forre as capas

Outra forma de preservar o estado dos manuais gratuitos passa por proteger as capas, forrando-as com plástico ou papel. Mas sem colar nada às capas. Se optar por forrar as capas com papel ou plástico autocolante vai ter de o tirar antes de devolver os manuais gratuitos, o que não será nada fácil sem danificar as capas. Pode comprar proteções plásticas amovíveis (fixas ou ajustáveis) em qualquer superfície comercial. Assim, quando terminarem as aulas, basta retirá-las. Se estiverem em bom estado, pode ainda utilizá-las para plastificar os manuais gratuitos do ano letivo seguinte.

4. Coloque os manuais em pastas plásticas com elásticos

A organização é outro aspeto a ter em conta na preservação dos manuais escolares gratuitos. Para que os manuais não andem soltos na mochila, correndo o risco de ficarem com as capas dobradas ou rasgadas, pode comprar pastas plásticas com elásticos para guardá-los. Com esta prática, impede ainda que fiquem molhados, caso haja uma garrafa de água mal fechada na mochila, ou cheios de tinta, se eventualmente uma caneta rebentar.

5. Compre canetas apagáveis

Sublinhar e escrever notas nos manuais são dos métodos de estudo mais usados pelos alunos. Mas incompatíveis com as regras de reutilização dos manuais escolares gratuitos. Há, no entanto, uma solução: sublinhar e escrever com canetas de tinta apagável. Nas grandes superfícies encontra uma grande variedade deste tipo de canetas.

Ler mais

Mais sobre

Educação

Torne-se Associado

Saiba mais