< Voltar à página de Economia Social

Prémio Voluntariado Jovem à porta. Conheça o novo formato

A próxima edição do Prémio Voluntariado Jovem acontece nos dias 19 e 20 de janeiro e tem novas regras. Conheça os detalhes deste evento.

Está prestes a começar a segunda fase da 7ª edição do Prémio Voluntariado Jovem Montepio que, este ano, tem um modelo diferente. “Pensar global, agir local” é o mote deste evento, cujo objetivo é incentivar os jovens entre os 16 e os 21 anos a criarem e desenvolverem soluções para problemas em territórios específicos. Neste primeiro ano, o território escolhido é o Bairro da Serafina/Liberdade.

O que muda nesta edição do Prémio Voluntariado Jovem?

Nas edições anteriores do Prémio Voluntariado Jovem, as equipas respondiam a um problema social específico, que apenas era divulgado no dia do prémio. Em 2016, o tema foi a “diversidade”.  As cinco equipas escolhidas delineavam um projeto de voluntariado, com o apoio de um mentor, preparavam e apresentavam um pitch e o júri selecionava o vencedor. Posteriormente, a organização vencedora teria de implementar o projeto com recurso aos jovens voluntários.

A partir deste ano, o concurso tem novas regras. A primeira diferença reside no facto de não existir um problema social pré-definido, mas antes uma área ou comunidade carenciada, que é definida pelo projeto vencedor da edição anterior do Prémio Voluntariado Jovem. Este ano, a área escolhida é o Bairro da Serafina/Liberdade, em Lisboa.

O evento decorre em dois dias: 19 e 20 de janeiro. No primeiro dia, as equipas vão para o terreno identificar os problemas, as faltas e necessidades da zona. No segundo dia, identificam as mudanças que gostariam de realizar, como pretendem colocá-las em prática e o que vão necessitar. Por fim, o júri avalia os projetos e atribui o prémio à entidade vencedora.

Como são compostas as equipas?

O concurso é composto por quatro equipas de seis elementos. Quatro dos membros da equipa são da instituição selecionada (três jovens voluntários e um tutor) e os restantes dois elementos são do território escolhido (um jovem voluntário e um tutor).

Qual o valor do prémio?

No final do segundo dia, após a apresentação dos projetos, o júri decide qual a equipa com a proposta vencedora, que recebe um prémio monetário de 1 500 euros. As restantes entidades participantes, que não venceram o concurso, também têm direito a um prémio de 1 000 euros pela participação. Além disso, todos os jovens voluntários recebem um prémio de 100 euros em cartão pré-pago.

O que acontece depois?

Nos 10 meses seguintes ao Prémio Voluntário Jovem, o projeto vencedor deve ser implementado. É importante assegurar quem serão os promotores do projeto, quem irá implementar e acompanhar o projeto.

Quem é quem?

  • O Montepio é a entidade promotora Prémio Voluntariado Jovem e é responsável por selecionar as entidades que participam, garantir as deslocações das equipas, definir áreas de intervenção temática, integrar o júri, financiar a iniciativa e monitorizar a implementação do projeto vencedor.
  • As entidades selecionadas para participar são o Lar Stª Estefânia, de Guimarães, Associação de Proteção à Infância Bispo D. António Barroso, do Porto, Centro Social do Soutelo, de Gondomar, e Instituto D. Francisco Gomes – Casa dos Rapazes, de Faro. São as responsáveis por escolher os jovens voluntários, prepará-los e acompanhá-los.
  • Os voluntários são jovens dos 16 aos 21 anos, que foram escolhidos pelas entidades selecionadas. São responsáveis por elaborar projetos a partir dos problemas identificados no local. E, além disso, são coadjuvados por dois mentores: um da entidade convidada e um da entidade gestora. Têm, ainda, de apresentar o projeto ao júri.
  • O Júri é composto pelo Presidente da Fundação Montepio, dois elementos escolhidos pelo Montepio e que tenham relação direta com a comunidade, um elemento convidado da direção do Grace, um elemento convidado da Direção da Confederação Portuguesa do Voluntariado e um morador da zona. É responsável por avaliar os projetos segundo a grelha de critérios e identificar potenciais parceiros e financiadores.

 

 

 

Ler mais

Saiba mais sobre

Prémios , Voluntariado

0

Comentários

Comentários

Os comentários podem ser editados por questões de clareza e para permitir respostas mais gerais.