< Voltar à página de Poupança

5 formas de encontrar viagens baratas

As férias aproximam-se e ainda não tem nada marcado? Confira as dicas do Ei para encontrar viagens de avião adequadas à sua sua bolsa.

Viagens baratas em cinco passos:

1. Pesquise, pesquise e… pesquise

Ser incansável na pesquisa é a melhor forma para comprar viagens baratas. O preço de uma viagem pode variar em função da altura do ano, do dia da semana, da hora a que viaja, entre outros fatores que não consegue controlar. De acordo com o Estudo Anual de Voos da Momondo, uma plataforma comparadora de preços, a melhor altura para comprar voos é 56 dias antes da viagem, o melhor dia da semana para voar é à Terça-feira (sempre que puder, evite os Sábados) e a melhor hora para levantar voo é ao fim da tarde, entre as 18h e as 24h.

2. Utilize um comparador de preços

Na internet, existem inúmeras plataformas que comparam preços e que ajudam a encontrar viagens baratas. Os mais conhecidos são o skyscanner, o eDreams, o Momondo e o Rumbo. Por regra, são de utilização bastante simples, basta escolher o tipo de viagem, a classe, a cidade de origem e de destino, a data de partida e regresso e o número de passageiros e a sua idade. Pode ainda escolher se prefere voos diretos ou fazer escalas. Se encontrar um voo com preço adequado e estiver pronto a comprar, basta clicar no ícone e será redirecionado para a página da companhia aérea, onde poderá realizar a compra. Atenção que a viagem não fica mais barata por comprar numa destas plataformas, apenas permite que faça várias comparações e simulações.

3. Monitorize os preços

O preço das viagens de avião pode variar numa base quase diária. Portanto, se tem uns dias de férias reservados, gostava de viajar, mas ainda não tem nada marcado, o Google Flights é a solução ideal. Através desta plataforma pode escolher os dias em que pretende viajar, o local e monitorizar os preços. Diariamente, a aplicação irá notificá-lo das oscilações dos preços e, assim, pode comprar quando estiver a um preço mais acessível. Se não tem um destino escolhido, pode fazer várias simulações, para diferentes locais, monitorizar os preços e escolher àquela que oferecer um preço mais competitivo. Na Momondo também pode criar um alerta de preços, que permite receber notificações das mudanças de preços e um resumo semanal dos preços, para perceber a direção do preço.

4. Simule a viagem até ao fim

Está a comparar viagens e encontrou um voo a um preço acessível? Faça a simulação até ao final para perceber se compensa e se, com as taxas, o custo da viagem não aumenta demasiado. Por exemplo, muitas companhias low cost não incluem no preço inicial a bagagem de porão. Se for apenas passar uns dias fora, pode optar pela bagagem de mão com alguns itens essenciais. Mas se necessita de levar bagagem de porão tenha em consideração que o preço vai aumentar. Prefira sempre adicionar a bagagem quando está a comprar o bilhete online, porque se o fizer no aeroporto, o preço aumenta quase 50%.

Por fim, o preço pode ainda oscilar consoante a forma de pagamento escolhidas e marca associada a esse pagamento. Por exemplo, algumas plataformas de pesquisa oferecem descontos se pagar com determinado cartão e cobram taxas de serviço.

5. Esteja a par das promoções

Muitas companhias aéreas fazem promoções de última hora, para preencher os lugares vazios nos aviões. Por isso, é importante estar atento para ver se aparece alguma viagem com um preço irresistível. Para não perder nenhuma oportunidade experimente subscrever as newsletters das companhias aéreas ou agências de viagem. Desta forma, garante que não passa ao lado de um bom negócio.

Ler mais

Saiba mais sobre

Poupança , Viagens

0

Comentários

Comentários

Os comentários podem ser editados por questões de clareza e para permitir respostas mais gerais.