Férias? Conheça 9 dicas para arrumar malas de viagem

Todos os anos, antes de partir para férias, existe um quebra-cabeças para superar. Sim, é isso mesmo que está a pensar: preparar as malas de viagem e garantir que inclui tudo o que precisa.

As restrições de bagagem impostas pelas companhias aéreas ou umas férias prolongadas (de várias semanas) complicam a já difícil tarefa de fazer as malas de viagem. Mais do que tentar levar a casa para férias, é preciso disciplina e, sobretudo, organização. Fazer uma lista, separar o essencial do acessório e escolher roupa versátil são alguns truques úteis para fazer uma mala de viagem à prova de surpresas desagradáveis. Siga as nossas sugestões. Mãos à obra?

1. Faça a gestão conjunta de todas as malas de viagem

Gerir a bagagem das férias torna-se mais fácil quando se pensa no conjunto de malas disponíveis, em vez de ‘cada mala por si’. Divida o peso pela bagagem disponível. Desta forma, evita ultrapassar os limites estabelecidos pelas companhias aéreas.

Pensar nas várias malas de viagem como um todo permite também antecipar alguns problemas. Assegure que, em cada mala, existe um conjunto de roupa essencial para cada viajante. Assim, mesmo que uma das malas de viagem não chegue ao destino, terá uma muda de roupa para cada passageiro. Em alternativa, cada um poderá levar uma muda de roupa na bagagem de mão.

Não se esqueça: As malas de viagem no porão não podem, por norma, exceder os 23 quilogramas. Já a bagagem de cabine fica-se pelos 10 quilogramas. A TAP, por exemplo, tem um simulador para calcular a bagagem permitida e uma calculadora para determinar o excesso de bagagem.

2. Elabore uma lista

Um bom planeamento não se consegue sem uma lista organizada. Pegue num papel e numa caneta (ou no seu computador) e anote tudo o que pretende levar. Inclua os básicos imprescindíveis, como documentação e dinheiro. Desta forma, pode começar a organizar-se, reduzindo a ansiedade de recorrer sempre à sua memória. Esta lista pode também ser muito útil para organizar itens pelas várias malas de viagem. E, ainda, para definir hierarquias de prioridade entre os vários artigos.

3. Separe o essencial do acessório

Precisa realmente de levar seis pares de sapatos para uma semana de férias? Ou três casacos quentes, em pleno agosto, porque… ‘pode chover’? Perante o espaço (e peso) limitado, o melhor é reconhecer que não pode levar tudo o que pensou inicialmente para as férias.

Depois da primeira versão da lista, faça uma triagem entre o que é prioritário e o que pode ficar em casa. Os sapatos são um dos melhores exemplos de artigos na bagagem que podem ser reduzidos. Aposte em pares versáteis e restrinja as opções a 2/3 pares por viagem. Por norma, serão suficientes. Calce, durante a viagem, o par mais pesado.

4. Crie categorias

Para o ajudar na tarefa de escolher o que é essencial e acessório, o melhor é agrupar os artigos por categorias – sapatos, roupa interior, calças/calções/saias, vestidos, t-shirts, etc. – e destinar o espaço na bagagem em função de cada uma.

Não existem regras matemáticas que definam a proporção de artigos a levar nas malas de viagem, mas alguns conselhos de especialistas podem ajudá-lo a organizar-se. Kathleen Ameche, autora do livro The Woman Road Warrior e citada pelo site Real Simple, sugere a seguinte proporção de roupa: para uma viagem de cinco dias, precisará de cinco t-shirts (ou outras peças equivalentes de manga comprida), dois pares de calças e uma saia. Escolha roupas que combinem cores entre si.

5. Consulte a meteorologia

Confira as previsões meteorológicas do seu destino de férias nos dias da sua permanência. Apesar de as previsões poderem ser falíveis, representam uma orientação indicativa do tempo que o espera e evitam que leve roupas para as várias condições meteorológicas possíveis, desde a gabardina aos calções de praia.

6. Arrume a mala de forma eficaz

Comece por colocar no fundo as roupas mais pesadas e resistentes, como calças e casados, dobrando-as o mínimo possível. Em último, coloque o que for mais leve, por exemplo, vestidos e camisas. Nos espaços vazios – margens da mala e bolsas laterais – disponha roupa dobrada em rolos. Esta técnica permite não só economizar espaço na mala, mas também evitar que a roupa fique amarrotada. Se nunca experimentou este método, na Internet existem inúmeros vídeos que ensinam a dobrar os vários tipos de roupa. Tenha em atenção, porém, que esta forma de dobrar a roupa não é indicada para vestuário de tecido mais delicado ou rígido.

7. Lembre-se do kit de primeiros socorros

Para lidar com possíveis situações de emergência, prepare um estojo com os medicamentos mais importantes, como analgésicos e antisséticos. Se toma regularmente medicação específica, para a asma ou colesterol, por exemplo, não se esqueça de a levar, bem como a respetiva receita médica. O kit de primeiros socorros para as férias deve incluir ainda soro fisiológico, creme calmante para queimaduras solares, repelente de insetos e compressas esterilizadas.

8. Fique abaixo do limite

Se tem limites de espaço para a bagagem e limites de peso (como no caso do transporte em avião), comprometa-se a ficar abaixo do limite disponível. Obrigar a bagagem a fechar perante uma capacidade mais do que sobrelotada significa que está a forçar os fechos e outros componentes da mala. Além disso, arrisca-se a ter de pagar valores adicionais para embarcar o peso extra no avião e a levar a mala com esforço em zonas onde as ‘rodinhas’ não funcionam, como escadarias ou terrenos acidentados.

9. Guarde espaço para extras

Não se esqueça de reservar um espaço suplementar para as habituais lembranças ou outras compras feitas no seu destino de férias. Estes itens não costumam ser tidos em conta na hora de fazer a mala. Ao organizar os arrumos de modo a não ficar com uma mala sobrelotada à partida, também garante que tudo tem lugar no regresso a casa.

Agora que já está pronto para seguir viagem, desfrute de umas ótimas férias!

 

Ler mais

Saiba mais sobre

Férias , Viagens

0

Comentários

Comentários

Os comentários podem ser editados por questões de clareza e para permitir respostas mais gerais.